E meu 2016 foi assim!

Meio atrasado mas pra não deixar passar batido, fiz um vídeo com todas minhas viagens que fiz ano passado. 2016 pode ter sido ruim em vários aspectos, mas acho que fiz do limão uma limonada. Espero que gostem:

Viagens:

  1. África do Sul (Kruger Park e Johannesburg)
  2. Pantanal (Corumbá – Mato Grosso do Sul)
  3. Bonito (Mato Grosso do Sul)
  4. Foz do Iguaçu (Argentina e Brasil)
  5. Vale do Jequitinhonha (Brasil)
  6. Hungria (Budapeste)
  7. Croácia (Hvar, Omis e Zagreb)
  8. Repúbilca Tcheca (Praga)
  9. Eslovênia (Liubliana)
  10. Yellow Stone Park – EUA
  11. Cody – EUA
  12. Sun Valley – EUA
  13. Seattle – EUA
  14. Anchorage, Alaska – EUA

Ficou com vontade de viajar pra algum desses lugares e quer dicas? Me manda uma mensagem aqui nos comentários e a gente bate um papo! Vou ficar muito feliz em ajudar!

O Zé tá de volta!

O Onde É que Tá o Zé foi um blog que criei em 2009 me dava muito prazer, justamente no momento que comecei a dar meus primeiros passos viajando sozinho por esse mundão.

E sabe como é né?! a vida vai ficando atribulada, novos projetos aparecendo, e isso aqui foi ficando de lado.

Diego Zé
Puerto Varas – Chile

Mas o blog sempre estava em um cantinho do coração, pedindo pra voltar. Passei o ano todo de 2015 pensando numa volta, novo design, novo formato, um bando de coisa… E quando via, já estava enrolando de novo, 2015 acabando, e nada do blog voltar.

Sendo assim, num surto que bateu no dia de hoje, resolvi largar a preguiça e já fazer esse post (re)inaugural. Assim do nada mesmo. Sem muito planejamento, sem muita conversa. Vamos dar o primeiro passo e no caminho, ajustando o que eu achar necessário. Mas pelo menos assim, já começamos.

A título de curiosidade, nesses anos sem postar acabei virando servidor púbico, concursado da Embratur, que nada mais é que o órgão de promoção turística do governo, dedicado aos turistas internacionais. A missão do Instituto é trazer turistas estrangeiros para o nosso país e assim, diminuir esse déficit tão grande no turismo brasileiro.

Chegando na Embratur fui alocado em uma coordenação que trabalha os diferentes segmentos turísticos brasileiros. Cada analista da área cuida de um e eu, especificamente, tirei a sorte grande e cuido do Ecoturismo e Turismo de Aventura. Vocês não sabem a satisfação que me dá poder trabalhar com isso. Tanto pelo segmento, que é uma paixão minha, quanto pelo fato de poder fazer algo pelo turismo nacional e melhorar a situação de muitos brasileiros que vivem disso.

Também, nesses quase 3 anos de Embratur, pude fazer algumas viagens a trabalho, tanto para o Brasil quanto para o exterior. Sendo assim, tenho uma série de posts guardados na cabeça, dicas para viajantes, que estão aqui suplicando para serem postadas. Juro que tentarei me lembrar ao máximo de tudo que vivi.

Sem mais delongas, é isso! O Onde é que tá o Zé está de volta! Espero que gostem!

Beijos no coração, tchurma!

Onde é que tá o Zé?

O Zé tá no Brasil.

Em Brasília, especificamente.

Mas no ano passado, eu, Diego Arelano, mais conhecido como Zé, estive viajando por alguns lugares desse mundão. Alguns mais perto, outros mais longe. Bem longe! Mas em todos pude perceber aspectos que se diferenciavam ou mesmo se assemelhavam a esse nosso Brasil Varonil. E agora, nesse espaço vou poder dividir um pouco das experiências e observações feitas por aí.

Então é isso. No maior estilão “Where the hell is Matt?”, faça suas malas que o Zé já tá partindo.